sexta-feira, 4 de abril de 2014

Filme nacional faz versão contemporânea de Elias e Eliseu

A produtora Anjuluz pretende repetir o sucesso de “Três Histórias e Um Destino” nos cinemas brasileiros com o filme “A Palavra” previsto para estrear no segundo semestre desse ano.

O longa vai contar a história de Eliseu, personagem baseado no profeta bíblico Elias, um engenheiro que vai atuar na transposição do rio São Francisco e fazer brotar água das terras secas do nordeste brasileiro.
A ideia do filme partiu da advogada Zitah Oliveira, 45 anos, que nunca trabalhou com cinema. Ao criar a Anjoluz ela contratou o cineasta paulista Guilherme de Almeida Prado que conseguiu contratar atores como Tuca Andrada, Oscar Magrini e Luciano Szafir para participarem do elenco do filme.
Fiel da igreja Assembleia de Deus, Zitah afirmou em entrevista ao jornal Folha de São Paulo que seu filme não vai levantar bandeiras denominações. “É um filme feito por evangélicos”.
A produção teve orçamento de R$ 2,3 milhões, dinheiro conquistado pelos empresários da região onde Zitah mora e também com a bilheteria de shows gospel que a produtora realizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...