Caruaru

Caruaru é um município brasileiro do estado de Pernambuco, o mais populoso do interior do estado, localizado na região do Agreste. Devido à sua importância regional, também é conhecido por seus habitantes como Capital do Agreste.
Tem uma população residente (2008) de 298.501 habitantes, que vivem numa área territorial de 921 quilômetros quadrados.
Conhecida como "Capital do Forró", "Capital do Agreste" e "Princesinha do Agreste".

As terras que hoje constituem o município de Caruaru eram primitivamente uma fazenda de gado, pertencente à família Nunes dos Bezerros. Este nome deve-se à proximidade da fazenda com a paróquia dos Bezerros. Acredita-se que esta família descende dos primitivos concessionários das terras concedidas como sesmaria.
Com a família Nunes vivia um casal de órfãos. Um deles, José Rodrigues de Jesus, apossou-se da parte que lhe cabia na herança, estabelecendo-se no local denominado Caruaru. Ali construiu uma capela, dedicada a Nossa Senhora da Conceição. O povoamento da região iniciou-se no entorno desta capela. Em 1846, o Frei Euzébio de Sales, Capuchinho proveniente da Penha, iniciou a construção da Igreja Matriz, hoje Catedral. A capelinha foi reconstruída por duas vezes, sendo a última reconstrução em 1883.

A localização geográfica favoreceu o desenvolvimento local, por ser a região passagem obrigatória de transporte de gado do sertão para o litoral e de mascates em sentido inverso.

Em dezembro de 1895, foi inaugurada a estação ferroviária da "Great Western" que ligou Caruaru ao Recife, que consolidou o desenvolvimento local. Nesta época, já era famosa a feira de Caruaru.

GeografiaO município está incluído na área geográfica de abrangência do semiárido brasileiro, definida pelo Ministério da Integração Nacional em 2005. Esta delimitação tem como critérios o índice pluviométrico inferior a 800 mm, o índice de aridez até 0,5 e o risco de seca maior que 60%.
Por se localizar na unidade geoambiental do Planalto da Borborema, seu relevo é suave ondulado, de solo pedregoso e argiloso, com altitude média de cerca de 545 metros. O ponto mais alto da cidade é o Morro do Bom Jesus, com altitude de 630 metros.

VegetaçãoTem a caatinga como vegetação dominante do município, com suas arvores típicas, como o juazeiro, algaroba, a baraúna, o mulungu e a imburana, arbustos como o velameiro, marmeleiro, e urtiga, broméliaceas como o caroá, macambira e o gravatá e cactáceas como o facheiro, xique-xique,jurema-preta, mandacaru, coroa-de-frade e palmatória. Possui ainda, vegetação úmida e arborizada (floresta tropical) ao sul, pois faz divisa com a microrregião do Brejo Pernambucano no extremo sul do município.

ClimaCaruaru está situado em uma área de clima tropical do tipo semiárido, mas que devido a altitude modesta apresenta um quadro de aridez menos severa. Por estar situado a 140 km do litoral, Caruaru está sujeito ao regime de chuvas de outono-inverno típicas da zona leste oriental do Nordeste.
Seu índice pluviométrico é de cerca de 662mm, mal-distribuídos ao longo do ano.
Uma das explicações para a escassez de chuvas na região é o planalto da Borborema, a Serra das Russas, localizada no município de Gravatá, que devido a altitude provoca chuvas orográficas, fazendo assim com que o ar chegue ao interior da região mais seco.
A temperatura média anual de Caruaru é de 22,5°C, podendo as temperaturas no verão oscilarem entre 25°C a 31°C, e no inverno entre 16°C a 20°C.

Recursos hídricosO município está inserido nos domínios das bacias hidrográficas dos rios Ipojuca e Capibaribe. Os principais tributários são o Rio Capibaribe e os riachos Tabocas, Caiçara, Borba, da Onça, Olho d’ Água, Mandacaru do Norte, Carapotós, São Bento, Curtume e Taquara, todos de regime intermitente.
O município conta com os recursos dos açudes Eng°. Gercino de Pontes (13.600.000 m³), Taquara (1.100.000 m³), Guilherme (786.000 m³), Serra dos Cavalos (761.000 m³) e Jaime Nejaim (100.000 m³).
EconomiaDe acordo com dados do IPEA do ano de 1996, o PIB era estimado em 680,90 milhões de reais, sendo que 7,8% correspondia às atividades baseadas na agricultura e na pecuária, 15,3% à indústria e 76,9% ao setor de serviços. O PIB per capita era de 2.241,87 reais.
Em 2002, conforme estimativas do IBGE, o PIB havia evoluído para R$ 1.888,066 milhões e o PIB per capita para 4.350,00 reais.
O ponto central da economia é o comércio, notadamente as feiras livres de confecções. A feira localizada próximo ao rio Ipojuca congrega feiras de ervas, legumes e verduras, calçados e produtos eletrônicos, além da de artesanato e os mercados de farinha e de carne. Outra feira livre de destaque é a do bairro do Salgado, sazonal.

A Feira da Sulanca é outro ponto forte de Caruaru. É conhecida como a maior feira livre do mundo. Ao lado de Santa Cruz do Capibaribe e Toritama é a maior produtora de confecções do Nordeste.
A cidade ainda conta com o North Shopping Caruaru e o Shopping Difusora, além do Pólo Comercial de Caruaru.

Caruaru sedia diversas faculdades privadas, como Associação Caruaruense de Ensino Superior (ASCES), a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Caruaru (FAFICA) e a Faculdade do Vale do Ipojuca (FAVIP). A cidade dispõe também de um campus avançado da Universidade de Pernambuco (UPE), com cursos de Sistemas de Informação e Formação de Designer de Modas, e ainda um campus avançado da Universidade Federal de Pernambuco, oferecendo cursos de graduação em diversas áreas, como Pedagogia, Administração, Design, Engenharia Civil, Ciências Econômicas, Engenharia de Produção e Licenciaturas em Física, Química e Matemática. Estas instituições de ensino superior fazem de Caruaru um pólo estudantil, atraindo todos os anos um grande número de estudantes oriundos das cidades vizinhas, transferindo-se para o município ou viajando diariamente.

Possui também diversos colégios da rede pública de ensino, como o Colégio Municipal Álvaro Lins e o Colégio Estadual Duque de Caxias. Na oferta de ensino médio, possui a EREM Dom Miguel de Lima Valverde, no bairro Vassoural, que conta com projeto na área cinematográfica; e EREM Arnaldo Assunção, no bairro do Salgado. Ambas são escolas de tempo Integral.

A cidade de Caruaru é a segunda em importância esportiva em Pernambuco. No futebol, dois clubes participam do Campeonato Pernambucano de Futebol, Central Sport Club e Clube Atlético do Porto. As duas equipes fazem o conhecido nacionalmente Clássico Matuto.
O Estádio Lacerdão é a principal praça esportiva da cidade, tem capacidade para 20.000 pessoas e é de propriedade do Central, mas as duas equipes fizeram um acordo em 2009 para ambas mandarem seus jogos no estádio, em troca, o Porto cederia o seu centro para o Central realizar seus treinamentos. Recentemente, o Lacerdão recebeu dois grandes clubes nacionais: o Palmeiras e o Vasco da Gama em partidas válidas pela Copa do Brasil de 2008 e 2009, respectivamente.
O Estádio Antônio Inácio de Souza é o outro estádio da cidade. É de propriedade da Liga Desportiva Caruaruense e é sede do campeonato municipal. Até 2008, recebia as partidas com mando de campo do Porto. Tem capacidade para 4.000 pessoas.
Anualmente, a TV Asa Branca e alguns parceiros realizam a Copa TV Asa Branca de Futsal. O ginásio do SESC, nas proximidades do pátio da Feira da Sulanca é sede de algumas partidas que envolvem seleções de futsal de várias cidades importantes da Zona da Mata, Agreste e Sertão, como Palmares, Catende, Bezerros, Santa Cruz do Capibaribe, Belo Jardim, Garanhuns, Lajedo, Arcoverde e Serra Talhada.

Outra grande praça esportiva de Caruaru é o Autódromo Internacional Ayrton Senna que sedia anualmente uma etapa da Fórmula Truck, além de outras diversas competições. Está cogitado para receber uma etapa da Stock Car em 2011. É o principal autódromo de Pernambuco.

ComunicaçãoTV Asa Branca - afiliada da Rede Globo
TV Jornal Caruaru - afiliada do SBT
TV Pernambuco - afiliada da TV Brasil
TV Tribuna - afiliada da Rede Record
TV Clube Pernambuco - afiliada da Rede Bandeirantes
TV Esperança - com programação religiosa.

Rádios:

Rádio Jornal Caruaru AM
Rádio Cultura AM
Rádio Liberdade AM
Rádio Liberdade 94 FM
Rádio Canaã 105 FM
Rádio Globo 89 FM
Rádio Mais 102 FM
Radio Universal 98 FM
Radio Provisão 107 FM
Rádio Caruaru 104 FM

Publicações:
Vanguarda
Extra de Pernambuco
Revista Moda Agreste
Presentia
Caruaru Hoje

Bandeira de Caruaru
Obra do professor Amaro Matias, instituído como símbolo oficial em 13 de maio de 1972, o pavilhão de Caruaru tem fundo tricolor verde, branco e vermelho, sendo o verde-esmeralda um agradecimento à fertilidade da terra, o branco, uma celebração da paz, e o vermelho, um símbolo da coragem do seu povo.

O triângulo em azul representa a lealdade do povo, com o sol significando majestade, abundância e riqueza da terra. A faixa em amarelo fala da nobreza com uma cruz em vermelho, símbolo da fé cristã. Abaixo, o triângulo em vermelho, cor da coragem e destemor, traz um ramo de avelozes, em homenagem ao fundador José Rodrigues de Jesus.

Em cima, uma coroa de fortalezas lembra as lutas pelo progresso e soberania da cidade que lhe renderam a fama de "Princesa do Agreste".

As datas que se vêem na faixa amarela, abaixo do escudo, referem-se à data da criação do município (1848) e a da elevação à categoria de cidade (1857). Ladeando essa faixa, um ramo de louro (considerada a planta símbolo dos campeões desde a Grécia Antiga), lembra as vitoriosas batalhas travadas pelo desenvolvimento econômico de nossa cidade.

Hino de Caruaru
O Decreto nº 10/72, de 17 de maio de 1972 - Ementa: Constitui o Hino Oficial do Município de Caruaru e dá outras providências.

Art.1º - É instituído HINO OFICIAL DO MUNICÍPIO DE CARUARU a composição, em letra e música, do professor José Florêncio Neto (Machadinho), nos termos do que acima contém.Art.2º - A letra do Hino Oficial do Município é assim redigida:

"De Fazenda a Capital

Nasceste pernambucana

Com teu clima tropical

E esta voz tão soberana.

Erguendo teu brado forte

Neste Sólio de beleza

És berço amado de Sul a Norte

Desta Cidade Princesa.

ESTRIBILHO

És ó Brasil, País amado

És Caruaru, Rincão bendito

És tu Cidade, Templo Sagrado (BIS)

Contemplando este Infinito

Comércio, Indústria e Feira

Falam junto ao Coração

Ao desfraldar tua Bandeira

Numa feliz inspiração.

Meu torrão - Hino de Glória

Com as Bençãos de Jesus

Hás de cantar sempre Vitória

Venerando a tua Cruz!"

DATAS IMPORTANTES PARA A CIDADE

1857 - A lei provincial nº 416 de 18 de maio, promoveu Caruaru a categoria de Cidade. O coronel João Vieira de Melo e Silva cria a banda de música "Conservadora Caruaruense", mais tarde chamada de "Nova Euterpe" e surgiu uma outra alguns anos depois chamada "Banda Liberal Caruaruense", que também mudou de nome para "Banda Comercial".

1867 - A lei provincial de nº 720 a eleva a categoria de comarca, de 1a. entrância (12/10/1867), 2a. entrância (1872) e 3a. entrância (1956).

1876 - Epidemia mata muitos caruaruenses (1 a 2% da população morria diariamente). Construído o cemitério de São Miguel.

1883 - Fundação do Clube Literário (Tte. José Francisco Paes Barreto) e da Sociedade Dramática (Dr. Arthur da Silva Rego).

1895 - Estação Ferroviária. A primeira máquina do trem tinha o nome de Barbosa Lima Sobrinho, governador de Pernambuco. O prefeito Neco Porto (Manuel Rodrigues Porto) abre as portas do Paço Municipal (atual palácio do Bispo) e oferece sarau dançante ao governador, familiares e convidados em ambiente iluminado por luz elétrica.

1896 - Fundada a Pharmacia Franceza de Jean Peugeot, adquirida mais tarde por Sinval de Carvalho (major Sinval) figura histórica caruaruense.

1898 - Construídos os prédios da Prefeitura (governo de Neco Porto) e a Cadeia pública. Nasce Belarmino Maria Austregésilo de Ataíde (Austregésilo de Ataíde) que foi presidente da Academia Brasileira de Letras de 1959 até a sua morte em 1993.

1899 - Primeiro Jornal caruaruense, do major Dandinho, comprado por Neco Porto que mudou seu nome para "O Caruaruense", contemporâneo do "Cinco de Novembro" de João Guilherme de Pontes

1902 - Capela do Monte Bom Jesus. Em 19 de abril também foi inaugurado o Theatro Municipal, construído por Neco Porto. Foi erigida em 1901 no topo do Morro Bom Jesus como capela, sendo o material da construção carregado ao ombro pelo próprio povo da cidade.

1908 - Inauguração do Cosmorama (projeção de paisagens européias)

1910 - Fundação do Sport Club Caruaru, cujo presidente foi o Dr. Homero Galvão;

1912 - Nasce Álvaro Lins, crítico, jornalista, escritor e professor (morre em 1970);

1914 - A barragem do Paredão foi destruída por uma cheia no Bairro do Riachão.

1915 - Fundação do Central Esporte Clube (preto e branco) pelo comendador José Victor de Albuquerque;

1918 - Fundação do Sport Club Caruaruense (vermelho e preto)

1920 - Associação Comercial de Caruaru, do Colégio das Freiras (mais tarde Sagrado Coração), do Açougue Público (pelo prefeito Celso Galvão)

1924 - Praça Sérgio Loreto e Mercado de Farinha

1925 - Praça José Bezerra

1926 - A Coluna Preste e Pernambuco

1927 - Cassino Caruaruense, onde mais tarde funcionou o Clube Intermunicipal;

1932 - Jornal Vanguarda (fundado por José Carlos Florêncio) e Caruaru Tênis Clube

1934 - Ginásio de Caruaru, por Dr. Luís Pessoa da Silva, mais tarde colégio Diocesano.

1937 - O Central ingressa no campeonato pernambucano de futebol.

1939 - Hospital São Sebastião (idealizado pelo médico Dr. Silva Filho.

- Inaugurado o Clube Intermunicipal (foto abaixo).

1957 - Centenário de Caruaru (18 de maio)

- Ainda em maio, é inaugurada a Casa de Saúde Bom Jesus.

1972 - o primeiro cinema exibe "Ele e as três noviças" com Elvis Presle (Elvis Presley).

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...