sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Igreja se transforma em circo para contar história de Natal

Igreja se transforma em circo para contar história de NatalA Segunda Igreja Batista do Texas, liderada pelo pastor Ed Young, transformou sua produção de Natal deste ano em um circo – literalmente. Além de um mestre de cerimônias, havia malabaristas e trapezistas no palco onde normalmente ficam o grupo de louvor e o pregador. Imagens de animais projetados num telão se alternavam com apresentações musicais que iam do rap ao rock.
Com o título de “Christmas Under the Big Top” [Natal sob a lona], a apresentação ficou em cartaz cinco dias, com ingressos de US$ 10 a US$ 25. A apresentação durava 90 minutos e tinha como enredo uma história fictícia de um circo com dificuldades financeiras tentando produzir um espetáculo de Natal.
Um dos astros do espetáculo era Luke Benward, que atua nos seriados “Boa sorte Charlie” e “Girl Meets World”, produzido pelo canal Disney.
Entre vários números musicais, de músicas gospel e seculares, uma mensagem sobre a importância do Natal era o fio condutor. No final, atores reproduziram uma rápida encenação do nascimento de Cristo, seguida por uma breve palavra do pastor sobre as “distrações” da vida e o verdadeiro sentido das festas de Natal.
O vídeo divulgado pela igreja para promover a atração convidava as pessoas para “celebrar o verdadeiro significado do Natal.” A narração lembra que nos últimos cinco anos, a Segunda Igreja Batista “realizou apresentações de Natal para mais de 100.000 pessoas na região de Houston, sempre com apresentações de música e dança”. Porém, este ano o desejo era mostrar o nascimento de Cristo com uma nova roupagem.
A opção da igreja em apresentar o Natal desta forma dividiu opiniões. Alguns sites evangélicos elogiaram a criatividade, classificando a superprodução de “entretenimento de qualidade”.
“Este foi realmente uma celebração mágica com uma bela mensagem”, disse um jornal local.
No entanto, outros acreditam que esse tipo de coisa está muito longe da igreja em Atos, que mostram como as igrejas modernas perderam suas “funções essenciais”, de pregação da mensagem bíblica e de serviço à comunidade.
O pastor David Whitney, da Cornerstone Evangelical Free Church, foi duro ao comentar o caso. “Quando Jesus disse: Eu edificarei a minha Igreja e as portas do inferno não prevalecerão contra ela, tinha em mente um circo?”.
Para ele, este não é um caso isolado, pois muitas igrejas parecem ter “perdido o seu caminho” e esqueceram que o mandamento de Cristo era fazer discípulos através da pregação e ensino, não oferecer diversão. 
Com informações de Christian News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...