sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Russel Shedd não morreu; nota divulgada por editora foi um erro interno

A Editora Vida Nova divulgou em seu site oficial uma nota do falecimento do doutor Russell Sheed nesta manhã. Baseado nesta nota oficial da editora, o portal Gospel Prime publicou que o teólogo havia falecido.
Após repercutir o fato, no início da tarde o Gospel Prime foi informado que a informação foi divulgada erroneamente e a nota retirada do site da Vida Nova.
A Vida Nova publicou a seguinte nota de esclarecimento, que reproduzimos na íntegra:
“Pedimos desculpas pela nota que circula inadvertidamente pela net por um erro interno.
O que vale é a nota oficial publicada nesta manhã.

Pedimos aqueles que compartilharam sobre o suposto falecimento de Dr Shedd que deletem os comentários ou notas.
Informamos que nosso querido Pastor Russell Shedd está em casa com sua família.
Seu estado de saúde é grave, mas “sabemos que, se esta nossa tenda, nossa casa terrena, for destruída, temos um edifício da parte de Deus, uma casa eterna no céu, não feita por mãos humanas” (2Co 5.1).
Pedimos suas orações por seu servo e por sua família, para que também neste momento eles possam ter tranquilidade e privacidade para cuidar de nosso tão querido irmão e pai na fé.
Nos comprometemos a manter a todos informados.
Reafirmamos nossa esperança, que foi proclamada por irmão Shedd, firmada na palavra de nosso único salvador, Jesus Cristo:
“Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, mesmo que morra, viverá; todo aquele que vive, e crê em mim, jamais morrerá.” (Jo 11.25-26)”

Legado de fé

O pastor Shedd tem 87 anos. Nos últimos meses está acometido de um câncer, mas preferiu ficar em casa com a família a tentar um tratamento no hospital.

O último vídeo que gravou aparece na companhia do pastor Antonio Mendes, da Primeira Igreja Batista de Atibaia, onde deixa um testemunho de que permanece na fé e não reclamava da doença.
“Realmente é uma experiência muito boa porque a gente sente-se desmamando do mundo e pronto para subir”, afirmou. Lembra ainda que “Cristo sofreu em nosso lugar para que nós pudéssemos aproveitar a grandeza do seu amor por nós”.
Citando vários versículos, como era seu estilo, finaliza dizendo que o sofrimento do mundo é muito pouco comparado com a alegria que teremos no céu.
Assista:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...