quinta-feira, 3 de novembro de 2016

ESPECIAL 3º ENCONTRÃO Conheça Stryper, o primeiro homenageado deste ano

Resultado de imagem para fotos do Stryper

"A quem tributo, tributo" (Portanto, dai a cada um o que deveis: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem temor, temor; a quem honra, honra." Rom. 13:7.)

A cada Encontrão, refrescamos a memória, contamos um pouco da história e rendemos gratidão à Deus pela vida de algum grupo ou ministério que atuou também nas décadas passadas. No primeiro foi Rebanhão (Nacional) e Nabhi (local). No segundo foi Água Viva (MILAD) e Luz e Sal. Em todos eles relembramos canções de outras bandas como Catedral, Banda e Voz, Vencedores por Cristo, Adhemar Campos, etc.

Presentia começa a partir de hoje a postar um pouco da história e legado dos homenageados deste ano e o primeiro é a banda Stryper.  

Resultado de imagem para stryper discografia
A trajetória da maior banda de White Metal, Stryper, foi fundamentada e delineada pelo seu caráter revolucionário, na medida que esta banda foi a precursora na transmissão da mensagem cristã através do Heavy Metal, estilo musical utilizado por algumas bandas para difundir princípios antagônicos aos valores cristãos, tais como o ocultismo, o uso de drogas e a violência.

A história do Stryper remonta ao início da década de 80, mais especificamente 1983, quando foi formado, em Orange Country/Califórnia, o embrião da banda,o Roxx Regime, integrado pelos irmãos Michael Sweet/Robert Sweet e por Oz Fox, respectivamente, vocalista/guitarrista, baterista e guitarrista.
Em 1984, foi recrutado o baixista(e tecladista) Timothy Gaines e data deste período a mudança de nome da banda para Stryper (Salvation Through Redemption Yelding Peace Encouragement and Rightneous- salvação através da redenção gerando paz, encorajamento e retidão) que foi associado ao versículo bíblico em Isaías 53:5. Tocando no circuito metal de Los Angeles, a banda logo atingiu um relativo reconhecimento e foi contratada pela Enigma Records, pela qual lançou o álbum de estréia, The Yellow and the Black Attack (1984), originalmente com 6 músicas (Em 1986 o álbum seria relançado com mais duas músicas, entre as quais a belíssima My love I'll always show).Trata-se de um disco simples, mas homogeneamente pesado, com riffs densos (destaque para Co'mon rock) e letras diretas sobre o amor de Deus. Já ficam evidenciadas as características que marcariam e diferenciariam o Stryper: a associação de riqueza melódica à músicas pesadas, envolvidas pela sinceridade e singeleza das letras e pelo timbre marcante da voz de Michael Sweet com seus gritos estridentes.

Resultado de imagem para stryper discografia
Algumas Capas dos Discos do Stryper
A qualidade surpreendente para um primeiro trabalho foi devidamente recompensada com a inclusão da regravação do álbum (1986) na posição número 103 da Billboard e no recebimento do disco de ouro.

Resultado de imagem para stryper showSoldiers Under Command(1985), o segundo trabalho do Stryper, reafirma o potencial da banda e explicita sua sonoridade agressiva e coesa (destaque para o petardo Soldiers Under Command), legitimando-a como uma forte representante do Heavy Metal no contexto musical vigente. O álbum também revela a admirável faceta melódica do Stryper, através de elaboradas baladas (First love e Together as One). O disco de ouro veio rapidamente e o álbum ocupou a posição 84 da Billboard, mas o grande sucesso ainda estaria por vir.... To Hell With the Devil(1986) é o ápice musical e comercial do Stryper!

O vigor de clássicos como To Hell With The DevilThe Way Rockin Forces,  joga a banda para uma posição jamais imaginada! O álbum atinge discos de platina, permanece entre os top 40 da Billboard, os vídeos de Honestly e Freeocupam a primeira posição da MTV, a turnê toma grandes proporções (data desta época o show que fizeram com o W.A.S.P.), ocorre a indicação para o Grammy... marcas impressionantes para uma banda que difundia uma mensagem completamente paradoxal aos princípios vigentes na indústria fonográfica. In God We Trust(1988) dá continuidade ao sucesso do álbum anterior.... o disco de platina vem sem demora, a balada Always There for You torna-se a mais requisitada na MTV e a turnê é aclamada (distribuía-se bíblias ao público em todos os shows).Outra linda balada deste álbum, I Believe in You, seria incluída na trilha sonora da novela O Salvador da Pátria(Rede Globo).Tudo isso revestido pela fidelidade, até então inabalável, do Stryper à crença cristã.
Resultado de imagem para stryper discografia
Entretanto, com o lançamento de Against The Law(1990), após um período de 9 meses de gravação reclusa na casa do baterista Robert Sweet, surgem rumores a respeito da sinceridade da fé da banda, porquanto o som, as letras e a perspectiva dos integrantes se torna mais comercial, abandonando a lealdade para com os fãs e o amor explícito para com Deus em troca de um provável sucesso a âmbito mais geral. Esta mudança, até certo ponto radical, produz o efeito contrário do esperado, pois o álbum é claramente mal recebido pelos velhos fãs e, embora tenha atingido a platina, o retorno comercial esteve aquém dos objetivos traçados. Logo, as retaliações dos fãs produzem um período de reflexão nos integrantes sobre a condução do Stryper.

A resposta da banda é a coletânea Can't Stop the Rock(1991) que apresenta duas novas músicas que representam o retorno ao princípios originais do Stryper (Believe é um protesto contra a guerra do Golfo), manifestando a superação do período em que foram corrompidos pelo sucesso. Entretanto, o álbum não é suficiente para anular as trágicas conseqüências de Against the Law. Michael Sweet abandona a banda para seguir carreira solo. O Stryper continua excursionando pela Europa, mas em 1992, o fim da banda, iminente após a saída de Michael, se concretiza.
Resultado de imagem para stryper show
Atualmente está sendo realizada, nos E.U.A, a StryperExpo, exposição de raridades da banda destinada aos milhares de fãs que permanecem fiéis. A transformação produzida pelo Stryper transcendeu, em muito, os parâmetros musicais e se estendeu à área religiosa-ideológica, quebrando incontáveis barreiras, afirmando o heavy metal como um veículo possível para a transmissão do evangelho cristão. Hoje o cenário White Metal é vasto e se encontra em grande expansão. Tudo isso devido a quatro caras que, por se vestirem extravagantemente, tocarem heavy e pregarem Cristo foram alvo de toda espécie de hipocrisia e falácia, mas, revestidos pela fé, enfrentaram todas as adversidades, abrindo o caminho para diversas bandas que também proclamariam a mensagem da cruz.

www.matox.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...