quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Luiz de Carvalho morre aos 90 anos e deixa um legado para a música evangélica

FOLHA GOSPEL
Imagem redimensionada

O cantor e compositor Luiz de Carvalho morreu nesta terça-feira (17/11) aos noventa anos de idade. Um dos maiores ícones na história da música cristã contemporânea no Brasil, Luiz teve cerca de sessenta anos de carreira e deixou uma obra vasta. Desde 2014, o intérprete foi internado várias vezes por problemas no coração e em janeiro deste ano chegou a ter uma parada cardíaca.


Na madrugada de ontem, sua família divulgou uma fotografia informando acerca da última internação do músico. No dia seguinte, as quatro horas da madrugada, Luiz de Carvalho faleceu. 



Na sua página do facebook, a a assessoria de imprensa do cantor publicou a seguinte mensagem: "Hoje, por volta das 4:30 da manhã os anjos do céu receberam nosso amado Luiz. Ele descansou. Foi cantar lá no céu. Depois de 90 anos aqui nesta terra, mais de 40 álbuns lançados, 2 DVDs e um livro, Deus o chamou. Sabemos que somos estrangeiros nesta terra. Não devemos esperar que Deus nos poupe do dia terrível e triste, mas jamais devemos duvidar de sua companhia quando esse dia chega. 'Pois os olhos do Senhor estão atentos sobre toda a terra para fortalecer aqueles que lhe dedicam totalmente o coração.' ".



O cantor, pioneiro em gravar o primeiro LP evangélico, completou 90 anos no dia 16 de maio e foi internado no dia 27 de outubro na UTI do Hospital Unimed ABC, em São Bernardo do Campo, em São Paulo, devido a um AVC isquêmico. Durante todo o período de internação, o público pôde acompanhar o estado de saúde de Luiz de Carvalho através de sua página no Facebook, mas, às 0h35 de segunda-feira (16), um post informava que os médicos haviam decidido não realizar mais nenhum procedimento invasivo para não causar maior sofrimento. “Mesmo sem abrir os olhos e sem falar, nosso amado cantor sorri quando pedimos. Este é o meu maior presente. Ele sabe que estamos com ele, que não vamos deixá-lo. Tantas vidas foram aos pés de Cristo através dos louvores de Luiz de Carvalho e agora ele tem recebido todo o amor do mundo de vocês”, dizia parte da postagem na rede social.



Pela manhã desta terça, uma nova postagem informava o falecimento do cantor, que deixa um verdadeiro legado na história do segmento no Brasil. Além de ter fundado a gravadora Bompastor na década de 70, que lançou nomes como Shirley Carvalhaes, Banda Azul, Paulo César Baruk e Cristina Mel. Luiz de Carvalho lançou mais de 40 álbuns lançados, dois DVDs e um livro e gravou grandes sucessos como Se isso não for amor, Divino Companheiro, Além das Montanhas, Mãos Ensanguentadas e Cristo vem me Buscar. Em 2012, o Troféu Promessas realizou uma homenagem ao cantor e sua filha, Priscila de Carvalho, relembrou o sucesso Haverá paz no vale:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...