domingo, 6 de setembro de 2015

Igreja fará ato contra corrupção no Desfile

Mais do que bandeiras, faixas e sons. Além da programação oficial, o que deve chamar a atenção no desfile cívico deste ano em Caruaru será uma ação de combate à corrupção. Durante o período da manhã, um grupo de evangélicos montará uma estrutura em um trecho da Avenida Joaquim Nabuco, para realizar ato de coleta de assinaturas para a campanha ‘10 Medidas Contra a Corrupção’, iniciativa do Ministério Público Federal com ampla mobilização de diversas entidades da sociedade civil no país. A intenção é, durante o ato, coletar pelo menos mil assinaturas de apoio à proposta que prevê, entre outras medidas, transformar a corrupção de altos valores em crime hediondo.

Segundo o administrador de empresas Estevão Soares – que é um dos coordenadores do ato –, essa mobilização é “urgente e necessária”. “Estamos buscando a independência da corrupção, dos maus hábitos e maus costumes que fazem parte da política brasileira desde a conquista pelos portugueses, em 1500”, esclarece. Soares acredita que a repercussão do ato irá além das fronteiras do município, promovendo uma reflexão na sociedade. “Caruaru, mais uma vez, estará no mapa das grandes mobilizações do Brasil. 
Como um polo político, econômico e educacional, a cidade de Caruaru influencia uma população de mais de 1 milhão de pessoas, dos municípios localizados no entorno. Portanto, sabemos que a influência desse ato provocará um impacto também na região, indo além dos 300 mil habitantes de Caruaru”, observa.

Essas assinaturas integrarão a proposta do MPF, que será entregue ao Congresso Nacional em forma de projeto de lei de iniciativa popular. Para ser apresentado ao Poder Legislativo, 1,5 milhão de assinaturas devem ser colhidas em todo o território nacional. Entre outras medidas, as propostas buscam prevenir a corrupção, com transparência e proteção à fonte de informação; criminalização do enriquecimento ilícito de agentes públicos; aumento das penas e crime hediondo para corrupção de altos valores; aumento da eficiência e da justiça dos recursos no processo penal; celeridade nas ações de improbidade administrativa e reforma no sistema de prescrição penal.

A organização do ato é da Igreja Batista Emanuel em Caruaru (Ibec). Além das assinaturas, a entidade pretende enviar uma carta de apoio contra a corrupção, declarando-se a favor das propostas. O pastor Célio Correia, líder da comunidade, salienta que é necessário a população abrir os olhos para com a coisa pública, inclusive no que concerne aos rumos do município. “Não podemos compactuar com as injustiças que ocorrem em nosso país. Por isso, nossas palavras de ênfase atualmente são justiça e engajamento. Somos evangélicos, mas cidadãos brasileiros e temos a necessidade de dar um basta à corrupção. Percebemos que há um desleixo para com a coisa pública e não podemos nos omitir com relação a isso”, declara. Além da mobilização do dia 07, a igreja projeta realizar outras atividades ao longo do ano, com o objetivo de fomentar a discussão e promover a reflexão cidadã, auxiliando no fortalecimento da democracia.

PARA PARTICIPAR
Além da mobilização no desfile, quem quiser participar da campanha pode assinar a ficha no templo da Igreja Batista Emanuel, localizado na Rua 38, nº 06, bairro das Rendeiras. Ademais, o cidadão pode procurar a unidade do MPF mais próxima de sua residência para assinar a ficha de apoiamento ou imprimir a ficha a partir do site, coletar dados e assinaturas e depois entregar em uma sede do MPF ou enviar pelo correio para o endereço da Força-Tarefa Lava Jato em Curitiba: Procuradoria da República no Paraná, Rua Marechal Deodoro, 933 - Centro, Cep 80060-010 - Curitiba/PR. O site da campanha é http://www.dezmedidas.mpf.mp.br/.


Contatos: 
Estevão Soares - 81 9 9678.5751
Célio Correia - 81 9 9530.2030

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...