quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Saeed Abedini escreve carta de Natal na prisão

Saeed Abedini escreve carta de Natal na prisãoPreso desde 2012, acusado de “espionagem internacional” por ser cristão e ter cidadania americana, o pastor iraniano Saeed Abedini enviou uma carta de Natal à sua família relatando os dias horríveis que tem passado na prisão.
Apesar da hostilidade de seus colegas de sela, do abuso de autoridade dos funcionários da prisão e de estar longe da família, que passou o Natal foram do Irã, Abedini não deixou de comemorar o nascimento de Jesus.
“Devemos ser capazes de tolerar o frio, as dificuldades e a vergonha, a fim de servir a Deus”, disse ele que está vivendo o rigoroso inverno no país. Por conta das baixas temperaturas ele questionou os motivos que fizeram Deus enviar seu filho à Terra em forma humana e tão frágil quanto um bebê.
Em sua carta, ele envia uma mensagem de encorajamento para todos os cristãos, pedindo que o Evangelho seja levado independente das circunstâncias. “Pode ser que sejamos chamados tolos e traidores e que enfrentemos muitas dificuldades, mas devemos crucificar nossa vontade e desejo ainda mais até que o mundo ouça e sinta o verdadeiro significado do Natal. Natal significa que Deus veio ao mundo para entrar em vosso coração e transformar nossas vidas, substituindo dor em uma alegria indescritível.”
Leia a carta:
Feliz Natal!
Estes dias estão muito frios aqui. Meu pequeno espaço ao lado da janela de vidro tem transformado minhas noites insuportáveis para dormir. O tratamento por parte dos companheiros de prisão também é bastante frio e às vezes hostil. Alguns dos meus colegas prisioneiros não gostam de mim porque eu sou um convertido e um pastor. Eles olham para mim com vergonha como alguém que traiu sua ex-religião. Os guardas não queriam a cruz de papel que eu fiz e colei na parede no meu lado da cela, como um sinal de minha fé e na expectativa de comemorar o nascimento de meu Salvador. Eles me ameaçaram e me forçaram a removê-la. Este é o primeiro Natal que eu passo completamente sem a minha família; toda a minha família está atualmente fora do país. Essas condições fizeram esta época próxima do Natal muito dura, fria e triste para mim. Parece que eu estou sozinho, sem ninguém ao meu lado.
Essas condições me fazem perguntar por que Deus escolheu o momento mais difícil do ano para se tornar carne e por que Ele veio à Terra na mais fraca condição humana (como um bebê). Por que Deus escolheu o lugar mais difícil para nascer no inverno? Por que Deus escolheu para nascer em uma manjedoura em um estábulo, que é muito frio, sujo e insalubre, com cheiro desagradável? Por que o seu nascimento teve que ser não só foi difícil fisicamente, mas também socialmente? Deve ter trazido tanta vergonha para Maria e seu noivo que estava grávida antes do casamento na sociedade religiosa da época.
Queridos irmãos e irmãs, o fato do Evangelho é que ele não é apenas a história de Jesus, mas é a chave de como devemos viver e servir como Jesus. Hoje nós que o seguimos devemos sair da nossa zona de conforto e segurança, a fim de proclamar a Palavra de vida e salvação através da fé em Jesus Cristo e da pena do pecado que Ele pagou na cruz e proclamar a Sua ressurreição. Devemos ser capazes de tolerar o frio, as dificuldades e a vergonha, a fim de servir a Deus. Devemos ser capazes de entrar na dor do frio do mundo de trevas. Temos de ser capazes de oferecer o amor ardente de Cristo àqueles que estão espiritualmente mortos. Pode ser necessário até sair do conforto de nossas vidas e deixar o abraço amoroso de nossa família para entrar na manjedoura fria e insalubre da vida dos outros, tal como tem sido para mim pelo terceiro Natal consecutivo. Pode ser que sejamos chamados tolos e traidores e que enfrentemos muitas dificuldades, mas devemos crucificar nossa vontade e desejo ainda mais até que o mundo ouça e sinta o verdadeiro significado do Natal.
Natal significa que Deus veio ao mundo para entrar em vosso coração e transformar nossas vidas, substituindo dor em uma alegria indescritível.
O Natal é a manifestação do brilho radiante da Glória de Deus no nascimento de uma criança chamada Emanuel, que significa Deus conosco.
Portanto, neste Natal, deixe o amor de Cristo entrar no fundo do seu coração e te aquecer, e deixá-lo pronto para pagar qualquer preço, a fim de trazer o mesmo amor para o mundo frio à sua volta, transformando-o com a verdadeira mensagem do Natal.
Pastor Saeed Abedini”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba no seu e-mail informações de Presentia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...